A Ler
Blackmoney, de Mauro Pinto, na Galeria 111

Blackmoney, de Mauro Pinto, na Galeria 111

BLACKMONEY, de MAURO PINTO

Data(s): 19 de setembro a 07 de novembro (2020)
Horário: terça a sábado, das 10:00 às 19:00

Preço: gratuito
Local: Galeria 111, Rua Dr. João Soares 5B, 1600-060 LISBOA

Curadoria: João Silvério
Organização: Galeria 111

Mauro Pinto, o fotógrafo moçambicano selecionado para a Bienal de Veneza em 2018 e vencedor do prémio BESPhoto 2012, inaugurou em Lisboa, no passado dia 19 de setembro, uma exposição dedicada à série “Blackmoney”, um olhar analítico sobre a vida nas minas de Tete, em Moçambique.

“É uma chamada de atenção para o valor da força de trabalho humano que nos confronta ao observarmos figuras e fragmentos de corpos marcados pela violência e dureza da extracção de minério e de combustíveis fósseis, neste caso na província de Tete, em Moçambique”, considera o curador João Silvério, na mensagem que apresenta a mais recente exposição do artista moçambicano Mauro Pinto.

Ver Também


A exposição estará patente na Galeria 111, com entrada livre, de terça a sábado, das 10:00 às 19:00. Poderá ser vista (ou revista), até dia 7 de novembro de 2020.

Ver Comentários (0)

Deixe uma resposta

© 2020 EFECETERA - O "EFE" É DE FOTOGRAFIA.

Ir para o topo