A Ler
Barcelona, Fotografia e Revolução Social

Barcelona, Fotografia e Revolução Social

O Arxiu Fotogràfic de Barcelona (Arquivo Fotográfico de Barcelona) expõe parte do riquíssimo espólio reunido pela Oficina de Información y Propaganda da CNT-FAI durante a Guerra Civil.

Miliciana no quartel Bakunin (agora Bruc) em 27 de agosto de 1938 / © ANTONI CAMPAÑÀ

O AFB e o Quotidian Life Observatory (OVQ), com a colaboração da Fundação Anselmo Lorenzo e do Ateneo Enciclopédico Popular, apresentam a exposição “Gràfica Anarquista. Fotografia i Revolució Social, 1936-1939

Livraria, 1938 / Autor Desconhecido

A exposição propõe um passeio pela coleção fotográfica do Escritório de Informação e Propaganda que a CNT-FAI criou em Barcelona durante a Guerra Civil, com o objetivo de articular e expandir o novo imaginário da revolução social no contexto da combate ao fascismo.

Ver Também

Canon EOS R6 com especificações "quase" confirmadas
Membros do Conselho da seção técnica da União de Água, Gás, Eletricidade e Combustível da CNT de Barcelona, ​​em 1937 / © PÉREZ DE ROZAS (AFB)

A exposição estará patente desde 27 de novembro passado até 16 de maio de 2020, no Arquivo Fotográfico de Barcelona (95PJ+QP Barcelona, Espanha), perto do Parc de la Ciutadella.

Inauguração da Biblioteca Popular de Jovens Libertários e Mulheres Livres de Sants, em 1936 / Autor Desconhecido
Colectividade do Município de Castellví de la Marca, em 1937 © PÉREZ DE ROZAS (AFB)
Milicianos no quartel Bakunin (hoje Bruc) fotografados por Antoni Campañà em 27 de agosto de 1936 / © ANTONI CAMPAÑÀ
Coletividade geral de Amposta (Tarragona), em 1937 / © PÉREZ DE ROZAS (AFB)
A casa da CNT-FAI, no segundo aniversário da morte de Buenaventura Durruti, em 20 de novembro de 1938 / Autor Desconhecido
Miliciano no quartel Bakunin (agora Bruc) em 27 de agosto de 1936 / © ANTONI CAMPAÑÀ
Ver Comentários (0)

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado

© 2019 EFECETERA - O "EFE" É DE FOTOGRAFIA. ALL RIGHTS RESERVED.

Ir para o topo