A Ler
#stopanimalselfies – Parem lá de tirar selfies com os bichinhos!

#stopanimalselfies – Parem lá de tirar selfies com os bichinhos!

#stopanimalselfies - Parem de tirar selfies com os bichinhos!

O ser humano é um animal realmente complicado! Não pode ver um bichinho fofinho (mesmo que seja um animal selvagem) que quer logo agarrá-lo e tirar uma selfie com ele. Um bocado à semelhança do que  vemos o Presidente Marcelo a fazer diariamente com incautos transeuntes. Muitos de nós, felizmente, já sabemos que isso não é bom para eles, mas cada vez mais turistas na Costa Rica parecem ignorar esse facto e pegam nos animais como se fossem apenas mais um adereço de Instagram.

Por esta razão e devido ao aumento do número de selfies que as pessoas tiram com animais selvagens, o Instituto Costarricence de Turismo deu início a uma campanha que visa impedir tal comportamento. Não se trata apenas de apontar como problema o pegar animais selvagens como as preguiças (ainda que sejam realmente fofinhas) e com isso alterar o seu comportamento natural. Trata-se sobretudo de entender  que a estreita interação entre humanos e animais pode levar à transmissão de doenças. Trata-se igualmente de fazer entender que, apesar de “fofinhos”, nem todos os animais estão dispostos a aturar o comportamento “selvagem” de tantos humanos que por aí andam. Ainda esta semana tivemos notícia de um fotógrafo que foi morto pelo simples facto de ter exagerado na proximidade a uma manada de elefantes.

A campanha Costa-riquena recebeu o nome de #stopanimalselfies e visa não apenas proteger os animais, como também pretende educar os turistas no sentido de os sensibilizar para a necessidade de evitar comportamentos desta natureza.

Ver Também

EIZO CS2410 - Um Eizo para os simples mortais?

Segundo a CNN Travel, fonte primária desta notícia, cerca de 1,7 milhões de pessoas visitam a Costa Rica todos os anos, sendo que a maioria dos visitantes chegam dos EUA e do Canadá, razão pela qual a hashtag da campanha faz uso do inglês.

Ver Comentários (0)

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado

© 2019 EFECETERA - O "EFE" É DE FOTOGRAFIA. ALL RIGHTS RESERVED.

Ir para o topo